terça-feira, 24 de abril de 2018

Cão feroz (Fierce dog)

Canis domi ferocissimus

O cão em casa é muito valente

(At home, a dog is most fierce)


"A citação de hoje faz referência ao falso valentão: só é corajoso quando está em segurança protegido por parceiros ou entre os mais fracos, onde canta de galo. Contudo, quando se encontra em ambiente hostil, esse falso valentão retrai-se e acovarda-se!

Então, em homenagem ao cachorro cujo latido é pior do que a mordida, aqui vai o provérbio de hoje lido em voz alta pela tia Laura Gibbs."

 

Clique no botão vermelho para ouvir.

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

sábado, 21 de abril de 2018

Liberdade que ainda tardia (Freedom albeit late)

Libertas Quæ Sera Tamen

Liberdade ainda que tardia

(Freedom albeit late)



Tiradentes foi um dos líderes do movimento que pretendia separar o  Brasil  de  Portugal , conhecido como Inconfidência mineira
Hoje, 21 de abril, é considerado feriado nacional em homenagem a Tiradentes, que foi condenado à forca e executado em 21 de abril de 1792. Partes do seu corpo foram expostas em postes na estrada que ligava o Rio de Janeiro a Minas Gerais, sua casa foi queimada e seus bens confiscados.

Inconfidência mineira utilizou como lema a expressão em latim Liberdade que ainda tardia, que posteriormente foi incorporado a bandeira do estado Minas Gerais
O texto em latim foi retirado de um poema do poeta romano Virgílio, que faz parte do diálogo:
- Et quæ tanta fuit Romam tibi causa videndi?
- Libertas, quæ sera tamen, respexit inertem.

- E qual foi o forte motivo para visitares Roma?
- A liberdade que tardia, todavia, apiedou-se de mim, na minha inércia.

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 17 de abril de 2018

Nada é eterno (Nothing is eternal)

Aeternum sub sole nihil

Nada é eterno sob o Sol

(Nothing under the sun is eternal)


"O  Sol  possui dimensões gigantescas e importância fundamental para a existência da vida, por isso atua intensamente no imaginário humano. O  Sol  ilumina e fornece condições para a existência vida. E a ele atribui-se principalmente  eternidade
Então, é uma grande verdade afirmar que nada é eterno sob o Sol - aeternum sub sole nihil. Tudo passa. Minha infância passará num piscar de olhos, assim como as demais etapas de minha vida. E mesmo a majestosa montanha que aparece no fundo destas fotos está nesse formato há apenas alguns milhares de anos e também será modificada.

Clique no botão vermelho para ouvir a citação de hoje:
 

Brincando na areia da praia:
Logo passará esta etapa de brincar com pazinha na areia da praia...
A citação de hoje é o título de um desenho de Octavius Vaenius (Otto van Veen - Antuérpia, sec. XVI):
Aeternum sub sole nihil - desenho de Octavius Vaenius
Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 10 de abril de 2018

Tua Palavra (Thy Word)

Verbum tuum lumen semitis meis

Tua Palavra é luz para meu caminho

(Thy Word is a light unto my path)


"A citação de hoje faz parte do Salmo 119:105 conforme está na Vulgata, o Antigo Testamento traduzido para o Latim. O texto completo diz:

Lucerna pedibus meis verbum tuum et lumen semitis meis
Lâmpada para os meus pés é tua palavra,
e luz para o meu caminho

'O verso compara a Palavra de Deus a uma lamparina. A lamparina era uma vasilha rústica, feita geralmente de cerâmica, com um bico que continha um pavio que passava pelo bico até atingir e mergulhar no azeite dentro da vasilha, que então se acendia.
Lamparina de cerâmica
A luz produzida pela lâmpada, não era brilhante, mas suficiente para iluminar e ajudar a pessoa a encontrar e trilhar o caminho certo.
A luz que a palavra emite, não visa cegar ou atrapalhar ninguém com um brilho intenso, mas antes simplesmente indicar com clareza e segurança o caminho a seguir.'
Extraido de: http://www.rudecruz.com/lampada-meus-pes-luz-caminho-estudo-biblico.php

Nos dias de hoje  a luz que  ilumina  nosso caminho  vem das  telas de ébano  de objetos eletrônicos sofisticados. São os altares do Deus da Informação, que nos fornecem todo tipo de orientação, cultura e lazer. Mal utilizados, porém, podem atrair desgraças como os falsos ídolos do passado. Tudo depende de nós, os usuários - servos fieis do novo Senhor. Coincidentemente, Enzo observa a tela de joelhos na foto acima... 😲

Enzo e as priminhas Bia e Júlia saboreando um episódio do Mundo Bita no celular da tia Lídia!
Verbum tuum lumen semitis meis -  Tua Palavra é luz para meu caminho
Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 3 de abril de 2018

Acima da Lei (Above the Law)

Nemo est supra leges

Ninguém está acima das leis

(No one is above the laws)


"Ninguém está acima das leis! É uma boa continuação para nosso último postjulgamento e condenação de Cristo (Sexta-feira da Paixão).

Áudio da citação de hoje:
 


Vejam um resumo do belo texto da tia Laura Gibbs sobre o tema de hoje:

'A noção de quem está, e não está, acima da lei é um problema que aflige todas as sociedades que têm um código legal. Há uma grande passagem em Plínio, o jovem, que elogia o Imperador Trajano precisamente porque ele não se colocou acima da lei. Plínio fica maravilhado porque Trajano fazia como Imperador,  o mesmo que fazia quando ele era um cidadão comum, um simples súdito do imperador:
idem principem, quod privatum;
idem imperatorem, quod sub imperatore
Já naquela época, havia claramente uma diferença entre poderosos e cidadãos comuns e as leis eram escritas para os cidadãos comuns, não para os poderosos.
Contudo, de acordo com Plínio, Trajano voluntariamente sujeitou-se a essas leis:
ipse te legibus subiecisti:
legibus, César, quas nemo principi scripsit
Para Plínio, isso é algo completamente inédito:
Quod ego nunc primum disco
Estou  descobrindo isso pela primeira vez
E o que é que Plínio descobriu? 
Non est princeps supra leges, sed leges supra principem
O Imperador não está acima das leis,
mas as leis estão acima do Imperador'

Em nosso  BRASIL  os governantes e a classe política não apresentam a mesma dignidade do elogiado Imperador Trajano. O legislativo faz leis para beneficio próprio, o judiciário e o executivo seguem o mesmo caminho beneficiando os poderosos. Contudo, atualmente há uma tentativa de virar esse jogo e, pela primeira vez, os poderosos estão encarando o rigor da Lei. Nos resta aguardar e torcer para um final feliz para as instituições democráticas.

A Linguagem jurídica e o Latim:
Conforme pode ser observado nos livros sobre os quais estou sentado, o meio jurídico faz uso intenso de expressões latinas. O motivo é que nosso Direito tem origem no direito romano. São centenas de expressões em latim, algumas delas:
  • vade mecum - literalmente: vem comigo. Em Direito refere-se a um livro com as obras básicas para ser carregado e consultado facilmente
  • alibi Em outro lugar
  • a posteriori - A partir do que vem depois
  • causa mortis - A causa da morte
  • data venia - Permissão para discordar do ponto de vista
  • habeas corpus - Tenhas o corpo - proteger quem sofre ameaça de constrangimento ilegal na sua liberdade de locomoção
  • lato sensu - No sentido lato, geral
  • onus probandi - Encargo de provar - deixa ao acusador o trabalho de provar (a acusação).
  • pro rata - Proporcionalmente
  • sine qua non - Sem a qual não. Diz da condição essencial à realização de um ato
Expressões retiradas de:
http://www.aultimaarcadenoe.com.br/palavraseexpressoes/

Agradeço ao primo Tadeuzinho pelo empréstimos dos livros para as fotos.


Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

sexta-feira, 30 de março de 2018

Lavo as mãos - II (I wash my hands - II)

Lavabo manus meas

Lavo minhas mãos

(I wash my hands)


"A citação lavabo manus meas - lavo minhas mãos está na Vulgata (tradução da Bíblia para o Latim) em Mateus 27:24.
Segundo a tradição Judaica, estas foram as palavras ditas por Pôncio Pilatos (Pontius Pilatus), governador da província romana da Judeia que condenou Jesus à morte na cruz na sexta-feira que antecede o domingo de Páscoa.

Apesar de não ter encontrado culpa alguma em Cristo, Pilatos cedeu à exigência dos sacerdotes judeus que preferiram dar liberdade a BarrabásPilatos eximiu-se da responsabilidade pelo ato lavando as mãos.

A citação é usada ainda hoje para dizer que não se assume a responsabilidade por um ato, por discordar de suas motivações ou consequências."
Pintura a óleo por Mattia Preti, 1663
Comemoração da Pascoa na Creche
Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 27 de março de 2018

Muito Barulho por Nada (Much Ado About Nothing)

Vox et praeterea nihil

Uma voz e nada mais

(A voice, and nothing more)


"Vox et praeterea nihil é a tradução para o latim da citação do pensador grego Plutarco (46-119 aC) descrevendo o rouxinol. Literalmente, a citação significa uma voz e nada mais: apesar de pequeno, o rouxinol emite um canto potente com grande variedade de assobios.
A expressão é usada para descrever as pessoas que muito prometem, que reclamam demasiadamente ou que ameaçam, mas nada fazem: grandes atoardas, tudo nada – muita conversa e pouca ação.
Hoje quem nos lê o provérbio é a tia Laura Gibbs, que sempre colabora com nossos posts:



 Para ouvir o canto do rouxinol no Youtube, clique aqui 
 
Dizem que criança chora a toa, justificando a citação Vox et praeterea nihil! Mas não é bem assim... Mesmo não lembrando porque estava chorando na foto abaixo, certamente havia um justo motivo. 😛
Vejam o que dizem os psicólogos:

Depois do primeiro aniversário, a tendência é trocar as lágrimas por palavras. Ainda assim, choros são frequentes e as causas, variadas. Chorar faz parte do crescimento emocional e funciona como um desbloqueio sentimental. Nessa etapa, a criança só consegue expressar os sentimentos com lágrimas — não tem maturidade emocional, portanto lida mal com raiva, angústias e frustrações. Sente-se o centro do universo e acha que pode qualquer coisa. Este período é conhecido por mudanças repentinas de humor, egoísmo acentuado e crises de birra, fazendo com que seu filho protagonize cenas clássicas como se jogar no chão.
Revista CRESCER - Abr/08. Disponível em:
<http://revistacrescer.globo.com/Crescer/0,19125,EFC1677323-2210,00.html>
Enzo fazendo birra, atirando-se ao chão na Queijaria em Lafaiete-MG

Complementando o tema, Vox et praeterea nihil está impresso na capa do álbum fonográfico do grupo Controlled Dissonance, onde cada canção deriva de uma única amostra vocal.
"
Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 20 de março de 2018

Do meu jeito (My way)

Faciam meo modo

Farei à minha maneira

(I will do it in my way)


"Já aprendi a andar, mas ainda não consigo descer escadas - os degraus são muito altos para o tamanho das minhas perninhas.
Contra a vontade da mamãe, para minha segurança o papai me ensinou a descer as escadas sentado. 
Na foto, estou descendo a escada da varanda do sítio da dinda do meu modo!
A citação de hoje lida pela mamãe:

 

Faço do meu jeito tem um sentido mais profundo do que aquele usado no exemplo acima. Postura que fica bem caracterizada na canção My way interpretada por Frank Sinatra: viver intensamente, enfrentar com rigor a dificuldades, tomar decisões sem consultar ninguém e impor sua vontade, sem se importar com as consequências, minimizando os erros, assumindo assim, uma postura considerada arrogante.
Paul Anka escreveu a letra de My way em 1968 inspirado no modo de vida de Frank Sinatra. Embora apreciasse o grande sucesso que lhe trouxe, Sinatra não gostava da forma como a canção ficou colada a sua imagem. Em certa ocasião afirmou: 
Não importa a imagem que tenham de mim, eu odeio me gabar em cima dos outros. Eu odeio falta de modéstia, e é assim que eu me sinto com essa música.
.
No funeral de Sinatra, My way foi a música que todas as rádios e redes de notícia utilizaram para lembrar-se dele.




Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

quinta-feira, 8 de março de 2018

Mestres silenciosos (Silent teachers)

Libri muti magistri sunt

Livros são mestres mudos

(Books are silent teachers)


"Ainda não sei ler, mas gosto de brincar com os livros, conforme podem ver nas fotos. O papai e a mamãe irão ler para mim muitas histórias de aventura até que eu mesmo possa fazê-lo. Aí, então, será minha vez de ler para eles!
Em nosso idioma, o Português, o plural é feito com o s, no latim, utiliza-se o i:

  • libri - livros
  • muti - mudos (silenciosos)
  • magistri - mestres

Podemos aprender ouvindo as palavras faladas por um professor, mas também podemos aprender com as palavras impressas em um livro, que é como esse livro pode se tornar um professor mudo (silencioso). 
Para o papai, isso foi uma grande verdade: mesmo na escola, aprendeu mais com os livros do que com os professores na sala de aula, e depois, como adulto, fez quase toda sua aprendizagem diretamente dos livros. É por isso que considera que a leitura é uma habilidade fundamental para todos os alunos aprenderem: quando você pode ler, toda a biblioteca se torna seu mestre.
Como curiosidade, a citação de hoje aparece no brasão da Academia Brigadiana de Letras, localizada em Bairro Teresópolis, Porto Alegre - RS:

Agradeço a tia Laura Gibbs que colaborou com esse posts. Ela é americana e leciona na Universidade de Oklahoma, EUA, e sempre encontra um tempinho para esclarecer nossas dúvidas.

A partir de hoje temos novidade aqui no Blog: um áudio em Latim com a citação ou proverbio, hoje lido pela minha mamãe Jéssica:



Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 6 de março de 2018

Salvaguarda (Safeguard)

Arma tuentur pacem

Armas garantem a paz

(Arms maintain peace)


"A citação de hoje é bastante atual no  Brasil  e no mundo. 
Arma tuentur pacem, refere-se a necessidade e ao direito da posse de armas para garantia da segurança pessoal ou de uma nação.

A aplicação extrema desse conceito ocorre nos Estados Unidos, onde cada cidadão tem o direito de possuir armas de qualquer calibre para sua proteção e para lutar por seu país em caso de invasão. Além disso, o governo americano defende a posse e o desenvolvimento de armas nucleares como forma de dissuasão ameaçando retaliação letal em caso de ataque ao território americano ou de seus aliados.

No caso do  Brasil , armas são proibidas para os cidadãos comuns, já as diversas facções criminosas: traficantes, milicianos, assaltantes de bancos e outros, exibem descaradamente a todo o instante fuzis, metralhadoras, granadas e dinamite deixando a sociedade refém destes criminosos.
Recentemente foi preso na Flórida, EUA, o brasileiro Frank Barbieri, que se intitulava O Senhor das Armas. Estima-se que ele tenha contrabandeado mais de 1.200 fuzis para o Brasil em aquecedores de piscina.
Devido a situação  crítica da segurança pública no Rio de Janeiro, o estado está sob intervenção do governo Federal, onde o Exército assumiu a coordenação das policias Civil e Militar.

Quem quiser conferir um outro post deste blog sobre o tema bélico, clique no provérbio:

Se queres a paz, prepara-te para a guerra


Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Cabelos brancos (White hair)

Cura facit canos

Preocupações fazem os cabelos brancos

(Worry makes grey hairs)


"Desde a antiguidade a presença de  cabelos brancos  está associada a preocupações ou grande experiência de vida. Embora seja um assunto polêmico, atualmente há muitas pesquisas cientificas que relacionam o aparecimento de cabelos brancos ao estresse prolongado. Contudo, sabe-se que a principal causa do branqueamento dos cabelos é genética.
Cura facit canos - expressão que mostra toda a riqueza e concisão do Latim, com três palavrinhas disse: Preocupações fazem os cabelos brancos.

O vovô Izaias está com os cabelos branquinhos e não poderia ser de outro jeito aos 87 anos, né?
Foi bom ter encontrado o vovô durante o Carnaval no sítio da Dinda. Ele contou muitas histórias sobre sua vida e rimos bastante. 
Ele dirigiu sozinho os 500 km até lá. O carro quebrou em Barbacena e foi rebocado até BH onde foi consertado. A viagem de volta foi tranquila.
Ah, além de sua esposa, a Iva, o vovô levou a cadelinha Bombom:

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Ninguém ouve...(Nobody hears)

Littori loqueris

Falas com a praia

(You might as well talk to the shore)


"Littori loqueris é a tradução para o latim do original em grego Αἰγιαλῷ λαλεῖς, provérbio registrado por Miguel Apostólio, um teologo grego que viveu na Idade Média.

Littori loqueris, falar com a praia, é o mesmo que gastar o latim, jogar conversa fora ou falar com as paredes. O provérbio tornou-se bastante atual em tempos de Redes Sociais, onde 'fala-se muito e ouve-se pouco'.

Tenho ido pouco a praia - faz muito calor aqui no Rio. Atualmente sinto repulsa pela areia que gruda no meu pé e tenho medo das ondas, mas o papai disse que isso passa logo e que ainda vou curtir muita praia.
Bem, pelo menos a água de coco da praia eu já gosto:


Gostei de conversar com tia Lúcia na praia, ela me ouve! Estávamos sentados numa toalha, claro, areia fica pra depois...
Conversando com a praia:"

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Aprenda a se divertir (Lern to rejoice)

Disce gaudere

Aprenda a se divertir

(Lern to rejoice)


"A frase é famosa e foi dita por Sêneca, poeta romano, na Epistola 23,3 ao jovem Lucidius.
Sêneca adverte que a alegria é indispensável para a vida, mas que é necessário aprender a se divertir. Estamos em época de Carnaval onde muitos procuram se divertir a qualquer custo, sem medir esforços ou consequências. Então, disce gaudere, temos que aprender a nos divertir.

Na primeira foto, estou vestido de gênio, me divertindo com as bolas da sinuca no sítio da Dinda. Na foto abaixo, estou desbravando as matas do sítio vestido do pré-histórico Bambam.
Na foto abaixo estou brincando com o personagem preferido de minha mãe o Chaves:

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Lar (Home)

Parva domus, parva cura

Casa pequena, pouco trabalho

(Small house, small worry)


"Parva domus, parva cura, significa: casa pequena necessita de pouco cuidado. O provérbio não se refere a falta dedicação, mas que sendo o espaço físico menor, gasta-se menos tempo para manter a casinha arrumada e limpa.
O papai diz que nenhuma casa é grande o suficiente para a mamãe, pois ela é muito acumulativa; já a mamãe diz que para o papai, casa tem que ser pequena, pois ele não gosta de serviço doméstico; para mim, tanto faz, desde que tenha em que mexer...

Esta foto foi tirada no parquinho da RoselanchesQuem vai do Rio à Belo Horizonte de carro certamente conhece a Roselanches - restaurante, posto de gasolina e lojas de artesanato em Barbacena. O local é tão frequentado, que nesse dia lá encontramos meu tio Jaime! 😁
Lar lembra família: eu, o papai e a mamãe

Para outros posts sobre o tema, clique no link abaixo da figura:


Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!"

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Coisa séria (Serious matter)

Misceo iocis seria

I mix serious matters with joking ones

(Misturo coisas sérias e divertidas)


"O papai me disse que devemos ter cuidado ao misturar coisas sérias e divertidas, é o que chamam de  humor negro , um exemplo:
Não vejo a hora de ir embora! — diz o cego.
Temas sensíveis como a morte, doenças, violência e discriminação racial devem ser evitados em brincadeiras porque ofendem a sensibilidade das pessoas ou àquelas que foram ou são vítimas destes males. 

Eu ainda não entendo destas coisas complicadas, aqui, estou utilizando a citação de hoje sob um outro aspecto: estou me divertindo com meus amiguinhos palhaços, o Patati e o Patatá, estudando os insetos com a lente de aumento - coisa muito séria.
A mamãe morre de medo de insetos...

O papai me contou que até pouco tempo atrás eu estava do tamanho destes meus amiguinhos.

Quem gostou do Post pode Compartilhar no Facebook!